30 julho 2014

Desfile MPM Summer #15

Blessedts vamos conferir agora tudo que rolou nesta terça feira no Desfile da Blessed no Mega Polo Moda, a coleção está linda, além do desfile tivemos um coquetel super gostoso no show room com presença da blogueira Lalá Noleto e Alyne Muniz com nossa blessinha Lala, veja mais...






Nos bastidores.....





Tarde gostosa com a Blogueira Lalá Noleto e Alyne Muniz com a blessinha Lalá






Blessedete Lalá e blessinha Lalá! bom demais né...
xoxo.

29 julho 2014

Louboutin nails

Blessedts, já escolheu a cor que vai usar na próxima esmaltação!?, então lá vai a novidade, Louboutin que já tinha dominado os pés das mulheres agora dominou de vez as mãos também!, okay vamos sair correndo e conferir as cores da nova linha de Esmaltes do Louboutin, além de cores lindas possui uma embalagem luxuosa, é puro glamour ter um desse, vamos conferir...







adoramos e vcs?!

24 julho 2014

Glamour fala sobre nossa viagem de Capri - por Lelê Saddi



acompanhe a matéria...


As queridas bloggers Nati Vozza e Lalá Noleto acabaram de voltar de uma viagem incrível pela Costa Amalfitana, na Itália. Aproveitei a oportunidade pra saber como é viver viajando a trabalho e pegar dicas imperdíveis. Confira a seguir e tome nota!

Nati Vozza (Foto: Reprodução/Instagram)

Lelê Saddi: Como é viajar a trabalho pra vocês? Dá pra curtir mesmo com todas as obrigações que devem ser cumpridas? Tem day off? É difícil separar a vida pessoal e profissional nesses momentos?
Nati: Apesar de ser uma viagem de trabalho, conseguimos nos divertir sim. Mas, as viagens são muito diferentes entre si, depende muito de quem organizou e por qual motivo estamos indo. Numa press trip normalmente temos uma agenda mais apertada e uma tarde livre, por exemplo. Em outras não temos tempo livre, porém não temos também uma agenda cheia. Como eu disse, depende exclusivamente do motivo da viagem e de quem a organizou. E é muito difícil separar a vida pessoal da profissional, já que o blog é em primeira pessoa...

Lalá: Eu amo viajar a trabalho. Todo mundo brinca que tem rodinha nos pés ou que fica com tontura de me acompanhar por tantas cidades diferentes. Não tem day off. infelizmente. Como o trabalho continua rolando em São Paulo e nossa familia fica longe, temos que voltar o mais rápido possível. Entre um compromisso e outro a gente consegue encaixar algum programa pessoal. As vezes nem isso dá, mas os programas de trabalho são sempre tão maravilhosos e únicos que nem sinto falta desse momentinho.

Lalá Noleto (Foto: Reprodução/Instagram)

Lelê Saddi: Qual foi a viagem mais legal que vocês já fizeram a trabalho? E porque?
Nati: Ah foram tantas... Madrid foi uma delicia, uma viagem organizada pela câmara de turismo da Espanha. Também teve Paris/Bélgica/Barcelona, organizada pelo grupo de outlets Chic Outlet, essa viagem foi perfeita pois o grupo foi demais, a agenda foi bem dinâmica com muito turismo e outlets. Todas as viagens que faço com a Blessed também são maravilhosas pois depois da primeira, me tornei amiga pessoal das donas, então virou um misto de prazer e trabalho. Depois veio Los Angeles e agora acabei de voltar da Costa Amalfitana. O intuito dessas viagens é fazermos diário de viagem pra marca, e, claro, usando as roupas. Mais do que prazeroso. Porém, em todas as viagens, depois de curtir um dia todo, ainda ficamos madrugada adentro postando tudo no blog...

Lalá: Eu amo as semanas de moda. É sempre muito especial estar em contato com o que a moda tem de mais importante em primeira mão e poder compartilhar isso com as leitoras. A mais legal e inesquecível foi a minha primeira semana de moda de Paris. Realizei um sonho como profissional e ainda consegui estar a noite, no meu momento off, com meu amor que foi comigo.

Lelê Saddi: Qual destino está no radar de vocês pra ir um dia?
Nati: Croácia e Rússia...
Lalá: Africa! Ainda quero conhecer!


Lelê Saddi: Quais são as partes mais difíceis de viajar a trabalho?
Nati: Ficar longe do marido. E cumprir a agenda que sempre é bem corrida, chegar no quarto do hotel acabada e não poder dormir como em uma viagem de turismo. Chegamos cansadas ou não, e ligamos o computador pra postar.
Lalá: Deixar as pessoas que a gente ama longe. As vezes o trabalho fora bate com datas que você queria estar ao lado de alguém especial e não pode, como um aniversário por exemplo. Dá uma dor no coração.

Nati Vozza (Foto: Reprodução/Instagram)


Lelê Saddi: O que é imprescindível numa blogger trip? E o que deve ser evitado para não rolar desgaste entre as viajantes?
Nati: imprescindível é carregador extra de IPhone! Usamos muito o celular no roaming, então a bateria acaba já no meio do dia. Pra evitar desgastes é melhor levar as coisas na boa, sem julgamentos e stress. As pessoas são diferentes e as diferenças aparecem mais em uma viagem.
Lalá: Bom humor! Sempre. Não dá para ficar de bico quando uma viagem, por mais divertida que seja, tem trabalho envolvido.

Lelê Saddi:Tem regrinhas básicas de comportamento nessas viagens?
Nati: Não se atrasar. Apesar de ser nosso trabalho, também não dá pra ficar o dia todo com o celular ligado na mão.
Lalá: Entender o computador da amiga ligado até altas horas (ela está postando afinal!).

Lelê Saddi: Na hora de arrumar a mala como vocês fazem? Tem mil opções de looks ou vocês já separam tudo certinho?
Nati: Eu já vou com tudo certinho e fotografado. Faço isso em todas as viagens. Dá trabalho, confesso, mas depois é muito mais fácil. Quando estou na dúvida do look que usar, abro a pastinha do celular e revejo as produções que montei. Simples!
Lalá: Tento levar os looks montados pra carregar menos peso e ter mais tempo. Escolher a roupa na hora acaba gerando muita confusão fora de casa. As vezes não consigo.

Lalá Noleto (Foto: Reprodução/Instagram)

Lelê Saddi: E o que vai na mala de mão?
Nati: Computador, bolsas - tenho pavor de perder a mala e, consequentemente, minhas bolsas e jóias.
Lalá: Bolsas! Já pensou a mala sumir e minhas bolsas queridas irem junto? Eu morro!


Lelê Saddi: O que não pode faltar em uma viagem de jeito nenhum?
Nati: Opções de bolsas, pois elas mudam a produção. Sempre levo vários adaptadores de tomada e carregadores extra de celular.
Lalá: Secador! Não suporto secador de hotel. Nunca é bom!


Lelê Saddi: Quando estão viajando a trabalho, do que mais sentem falta no Brasil?
Nati: Família!
Lalá: Brasileiro sempre dá um jeito. Tem molejo. Te ajuda em uma situação dificil. Não é fácil encontrar gente tão solícita. 
Lalá e Nati (Foto: Reprodução/Instagram)


Lelê Saddi: Dessa vez vocês foram pra Itália, quais são as melhores dicas de lá!?
Nati: Conca Del Sogno, um Beach Club que fica entre Positano e Capri. La Fontelina, Beach Club de Capri, famoso. Onde foi o desfile Dolce and Gabbana alta moda. Caffe Positano, um café/restaurante super bacana em Positano. Jantar no hotel San Pietro, em Positano. Lindo e muito recomendado.
Lalá: O almoço no Conga Del Sogno é imperdível. Passar um dia de praia e sol no La Fontelina é must go!

Love,
Lelê
*****
Lelê Saddi é sócia do We Pick e assina a coluna Pílulas da Lelê todas as semanas, aqui na Glamour!

22 julho 2014

Diário de viagem Blessed - dicas por Nati Vozza

Oi amores, o terceiro dia da viagem para Capri com a Blessed foi maravilhoso!!!! Fizemos novamente a viagem para Capri e passamos o dia todo lá, mas dessa vez não alugamos um barco para o dia todo, apenas fomos no “taxi/translado” que faz Positano-Capri. É um barco bem grande, que sai mais ou menos de 30 em 30 minutos e você compra a passagem por pessoa, ida e volta, só ida, só volta, depende do que irá fazer. Custa 17 euros por pessoa e a viagem dura mais ou menos 35 minutos e te deixa no Porto de Capri.
Escolhemos passar o dia em um Beach Club super famoso e bem falado, que por sinal foi cenário do Desfile da Dolce&Gabbana que aconteceu semana passada, chamado La Fontelina. Para chegar até o La Fontelina foi um “trampinho” viu, seria mais fácil chegar de barco rsrs. O translado de Positano nos deixou no Porto de Capri e precisamos de um taxi até o outro lado da ilha. Depois descemos algumas escadas – Capri, Positano, tudo por aqui é cheio, lotado de escadas, faz parte -, e esperamos um barquinho que faz o translado para o Beach Club. Esperamos um pouquinho, pagamos 4 Euros ida por pessoa e finalmente chegamos lá. Ufa! Mas valeu a pena, que lugar maravilhoso…
{Porto de Capri}Porto capri nati vozzaDIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3
{Taxi para La Fontelina} taxi Porto capri nati vozzaDIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3
{Look Blessed Jóias La Chica de Oro – rumo a La Fontelina}look nati capri praia 7DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3  look nati capri praia 2DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 look nati capri praia 8DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3
De volta ao viagem…. alugamos colchões, Cadeiras, Tolhas, guarda-sol e ficamos por lá até cansar do sol. Os Beach Clubs da Europa normalmente são assim, você paga cadeira e toalha por pessoa e normalmente não pode comer tomando sol. Aí, quando bate a fome, você vai para o restaurante do Club.
Outro ponto importante para contar é que as praias por aqui não tem areia. Normalmente os restaurantes e Beach Clubs são em rochas, alguns tem algum escape com escadas e você consegue entrar na água cristalina, parece até água de cachoeira, sabem? As Poucas praias que vimos por aqui são públicas, mas também não tem areia, é só pedra!!! Sim, pedras! Parecem cascalhos, e, pasmem, as pessoas esticam a canga e deitam lindamente para se bronzear kkkk. É diferente, choquei no início. Mas a cor da água paga tudo, é maravilhosa e a paisagem daqui é das mais lindas que já vi. Grutas e mais grutas, água azul turquesa ao Azul safira, rochas, erosões… Você chega a ficar até de boca aberta, pois é algo diferente de tudo.
Ah, em todos os Beach Clubs você precisa fazer reserva, pois eles são pequenos e não tem um espaço muito grande, é realmente muito exclusivo, mas vale a pena escolher pelo menos 1 dia de viagem para isso. Quem quiser saber o preço, no La Fontelina, por exemplo, era 20 euros por pessoa. Mais 10 de guarda Sol, 5 por cada cadeira, 10 pelo colchão. Tem outros Clubs que não cobram por pessoa, só a toalha e cadeira, por exemplo. Depende de cada um, é bom perguntar antes de fazer a reserva para não levar susto.
praia publica capri nati vozzaDIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 praia capri nati vozza 6DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 praia capri nati vozza 5DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 praia capri nati vozza 3DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 praia capri nati vozza 1DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 praia capri nati vozza 4DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3
Bom, tomamos sol, entramos na água, cansamos do sol e fomos almoçar no restaurante do La Fontelina com essa vista maravilhosa!!! Que delicia….
nati vozza capri restaurante la fontelina 2DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 nati vozza capri restaurante la fontelina 3DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 nati vozza capri restaurante la fontelina 1DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3
Depois do almoço pegamos um taxi e fomos conhecer o famoso centrinho de Capri. Tem lojinhas locais com batas, camisas de linho masculinas, sandálias feitas a mão, mas também tem Prada, Tods, Missoni, Balenciaga, Dior, Fendi, Furla, Bottega, Moschino, Ferragamo, Dolce and Gabbana… Ah muita coisa! Tem também umas duas ou 3 lojas de doces que fazem a casquinha do sorvete na hora, ela vem até quentinha. Um absurdo de bom.
capri nati vozza lala noleto 1DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 capri nati vozza lala noleto 3DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3 capri nati vozza lala noleto 5DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 3
Depois de muito passeio, exaustas, voltamos para Positano às 19:00hs. O último horário para voltar, porém ainda com o Sol raiando. Adoro verão, sol até tarde…
Chegando em Positano fomos jantar no Chez Black, não encontrei Denzel kkkkkkk, mas foi ótimo conhecer o tão falado restaurante. And thats it! Que dia movimentado hein?
Beijos amores,
Nati Vozza.

18 julho 2014

Diário de viagem blessed - dicas por Lalá Noleto

Quem escolhe a Costa Amalfitana como destino de férias tem que pensar que é delicia fica em um hotel legal. Mas, o que você deve reservar um dinheirinho é para os barcos. Os passeios nos barquinhos particulares são muito mais charmosos e a única maneira de ver como é linda o enconsta. Cruzar naquele barcão publico não da para sentir nada. Então, faça planos de alugar um barco para fazer uma volta pela costa.
O barco com 10 pessoas para fazer o passeio completo (sai de Positano, passa por todas as grutas (azul, verde e branca), pela Flagolina  e dá a volta em toda ilha custa 70 Euros por pessoa. Já um barco privado por todo dia (uma lancha na verdade), com bebida (vinho, cerveja, água, frutas e toalhas), custa 400 Euros o dia do barco. Quando mais bonito o barco, mais caro vai ficando. Rsss!
Várias empresas fornecem esse serviço na Marina de Positano. Basta você descer e vai encontrar os quiosques na beirada da areia com a placa de taxi (porque você pode solicitar um barco apenas para te levar em algum restaurante em alto mar, como o Conca del Sogno, por exemplo) ou passeios turísticos. Reservamos o nosso dia com o nosso hotel. Eles nos indicaram a Lucibello (089875032) e o Lorenzo. Barqueiro super querido, nos levou para conhecer a costa. Peça para ser ele. É divino. Vimos golfilhos, passeamos pelas grutas, tomamos sol e no final paramos no Conca Del Sogno para almoçar. O restaurante que eu mais gostei nessa viagem que só se chega de barco. Por isso é essencial colocar esse passeio no seu roteiro para não perder nada dessa beleza!
passeio-de-barco-como-alugar-positano-capri-dica-de-viagem-onde-comer-costa-amalfitana

16 julho 2014

Diário de Viagem Blessed - por Nati Vozza

DAY 2
Mais um dia delicioso em nossa viagem. O segundo dia foi para conhecermos Capri, uma ilha há 35 minutos de barco de Positano.
Chegamos ontem no hotel e já pedimos para a recepção/concierge nos ajudar a alugar um barco e nos explicar como funciona. Primeiro ele disse que na praia principal de Positano tem um barco que sai de 30 em 30 minutos, mais ou menos, para Capri. Ele serve como um taxi – barco bem grande e vai sempre cheio – e te deixa na praia/centrínho de Capri. Custa cerca de 17 euros por pessoa.
Mas como era nosso primeiro dia de viagem e pensamos em fazer algo bacana e mais completo, conhecendo grutas, parando para nadar, e não apenas ir até o centro de Capri e voltar, decidimos alugar um barco para nós três. Dessa forma o marinheiro ficava a nossa disposição, foi a melhor coisa que fizemos. Os preços variam muito dependendo do tipo de barco etc.
Então, acordamos às 8hs, nos arrumamos, tomamos um belo Café da manhã no hotel – por sinal, que vista é essa? Que hotel maravilhoso e com um staff mais do que solicito, difícil de encontrar na Itália viu rsrs.
Nati vozza capri 1DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 Nati vozza capri 3DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 Nati vozza capri 2DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2
Aí descemos até o centro/ praia e fomos rumo a Capri! O marinheiro foi contando tudo, no meio do caminho tem muitas grutas, golfinhos, mar cor de safira, vários restaurantes estilo Beach Club – vc pode ficar o dia todo por lá, usando as cadeiras de sol, bebendo vinho, comendo uma comida dos Deuses!
centrinho capri nati vozza 2DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 centrinho capri nati vozza 1DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza barco capri 6DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza grutas capri 5DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza grutas capri 1DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza grutas capri 2DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza barco capri 5DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza barco capri 11DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2
Paramos em frente a uma praia para tomar um solzinho, e depois pedimos para almoçarmos em um restaurante chamado Conca Del Sogno, mais próximo de Positano. Restaurante Beach Club, conhecido localmente como a melhor comida, fora o lugar que é um absurdo de lindo…Bom, depois faço um post com todos os restaurantes daqui, no final da viagem, para vocês guardarem, ok? Ahhh, aproveitei também para colocar um look mais confortável e seco para o almoço..
{Batas e look (amarela anterior e esta): Blessed | Flats Chanel | Bolsa Goyard | Óculos Super Future na Farfetch}look nati vozza blog blessed 4DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 look nati vozza blog blessed 3DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 look nati vozza blog blessed 2DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2
{Restaurante Conca Del Sogno -Via Marciano, 9, 80061 Massa Lubrense, Itália-}nati vozza restaurante conca del sogno 1DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza restaurante conca del sogno 5DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza restaurante conca del sogno 4DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza restaurante conca del sogno 2DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2 nati vozza restaurante conca del sogno 3DIÁRIO DE VIAGEM BLESSED CAPRI DAY 2
E esse foi nosso dia abençoado! Estou apaixonada e enlouquecida por aqui, já tinha ido a Saint Tropez e achei que seria algo parecido, mas não existe nada igual isso aqui. As rochas, a cor azul turquesa e azul safira das águas. Golfinhos. Grutas… Qdo voltamos a Positano reservamos um restaurante incrível em frente ao mar chamado Chez Black, o preferido de Denzel Washington, que está por aqui por acaso, e como fiquei sabendo que ele vai todos os dias ao restaurante não perdi tempo e reservei ahahaahahah. Muito Tiete. Lugar lindo, mas chegamos no hotel e capotamos… Quanto cansaço. Praia mata né? Quem sabe não vejo Denzel amanhã kkkk …Aguardem cenas dos próximos capítulos!
Estão gostando da viagem? Eu e Bê estamos amando kkkk. Só falta Antonio, tadinho, ele estaria amando também… Mas Katya e Lala são ótimas companhias!
Beijos amores,
Nati Vozza